Sem categoria › 18/10/2013

Primeiro Dia

527231_30990044Penitência e reparação

Oração deste dia:

Oh!Santíssima Virgem Maria, Mãe dos pobres pecadores!, Que aparecendo em Fátima, deixaste transparecer em vosso rosto celestial uma leve sombra de tristeza para indicar a dor que vos causam os pecados dos homens e que com maternal compaixão exortaste a não afligir mais a vosso Filho com a culpa e a reparar os pecados com a mortificação e a penitência.

Dá-nos a graça de uma sincera dor dos pecados cometidos e a resolução generosa de reparar com obras de penitência e mortificação todas as ofensas que se inferem a vosso Divino Filho e a vosso Coração imaculado.

Meditar e rezar a oração final para todos os dias:

“Apelo à FÉ”

Em Fátima, Portugal, no ano 1917, NOSSA SENHORA apareceu a três pequenos pastores: Francisco (9 anos), Jacinta (7 anos) e Lucia (10 anos) e lhes transmitiram uma preciosa Mensagem para o bem da humanidade e salvação espiritual de todas as gerações.

A Irmã Lúcia escreveu diversos livros sobre os acontecimentos em Fátima e também, um livro muito especial com o nome: “APELOS DA MENSAGEM DE FÁTIMA”, onde explica com clareza o conteúdo das Palavras de DEUS transmitidas por NOSSA SENHORA na Cova da Iria. Os Apelos são dirigidos ao coração de todos os fieis, ensinando procedimentos e atitudes que devem ser cultivadas pelas pessoas que querem estabelecer uma relação de amizade com o SENHOR e desejam viver em plenitude, alcançando felicidade ainda nesta vida. Os APELOS alertam também a humanidade sobre o perigo de viver distante de DEUS, indiferente aos Mandamentos e aos conselhos e as orientações da Sagrada Escritura.

a Mensagem de Fátima é sempre atual e moderna, e expressa a última e eterna Vontade de DEUS em relação à humanidade que ELE Mesmo inventou e criou: o SENHOR quer que a vida no mundo exista de conformidade com o desejo do CRIADOR, a fim de que as pessoas se preparem no presente, para desfrutarem a alegria da eternidade.

Como o violinista afina as cordas para harmonizar os sons do instrumento, DEUS iniciou a preparação das crianças que escolheu enviando-lhes um Anjo com mensagem de paz e oração, que as introduziu num clima sobrenatural, de fé, esperança e amor. O Anjo falou: “Não temais, sou o Anjo da Paz. Orai comigo”. Ajoelhando, curvou a fronte até tocar o chão. Gesto que foi num mesmo impulso, acompanhado pelas crianças que também repetiram com o Anjo a oração que ele pronunciava: “Meu DEUS, eu creio, adoro, espero e Vos amo. Peço-Vos perdão para os que não crêem, não adoram, não esperam e não Vos amam”. Nesta Mensagem, a Irmã Lucia diz que vê DEUS no seu Anjo, começando por introduzir as crianças num caminho de fé: “Meu DEUS, eu creio”.

Meu DEUS, eu creio”!

A Fé está na base de toda vida espiritual. É pela Fé que acreditamos na existência de DEUS, no Seu Poder, na Sua Sabedoria, na Sua infinita Misericórdia, no Seu Perdão, na Sua Obra Redentora e no seu Amor de PAI.

É pela fé que acreditamos na Igreja de DEUS, fundada por JESUS CRISTO, e na Doutrina que ela nos transmite, por meio da qual, seremos salvos. A Irmã Lúcia acrescenta: É pela fé que vemos DEUS e com ELE nos encontramos! São Paulo diz que somos templo de DEUS, mas quero acrescentar que primordialmente DEUS é o nosso templo onde nos encontramos submergidos, mergulhados profundamente no Ser Imenso de DEUS que tudo vê tudo penetra e a tudo cria.

Então, o Apelo Divino nos convida a cultivarmos a semente da fé, que no dia do nosso Batizado, o ESPÍRITO SANTO colocou em nosso coração.

Nesta Mensagem, a Irmã Lucia diz que vê DEUS no seu Anjo, começando por introduzir as crianças num caminho de fé: “Meu DEUS, eu creio”.

Newsletter

Cadastre-se para receber as notícias do Santuário!