24 HORAS PARA O SENHOR foi um verdadeiro mergulho na Misericórdia de Deus

????????????????????????????????????

São Benedito, 6 de março de 2016 (SISF). Todo o mundo mergulhou na misericórdia de Deus com as “24 horas para O Senhor”. Esta iniciativa do Papa Francisco nascida em Roma, alastrou-se muito rapidamente em todo o mundo, durante a qual as Dioceses dos cinco continentes unidas espiritualmente ao Santo Padre para oferecer a todos a possibilidade de fazer experiência pessoal da Misericórdia de Deus.

 O Santuário de Fátima da Serra Grande, em São Benedito, acolhendo a convocatória do Santo Padre, iniciou seu programa das 24 HORAS PARA O SENHOR, na sexta-feira dia 4, as 19h com a Santa Missa da Misericórdia e concluiu no sábado dia 5 também as 19 horas com a Santa Missa.

Nossa programação foi intensa, mas muito bem vivenciada. Peregrinos de toda a Serra da Ibiapaba participaram da Vigília Noturna de Adoração, oração e penitência.  Registramos a presença de caravanas de  Viçosa, Tianguá, Ubajara, Ibiapina,  Guaraciaba, Ipu, Carnaubal, São Benedito, Inhuçu e fiéis de outras localidades.

O Santíssimo Sacramento foi exposto no altar da igreja principal e ficou exposto praticamente 24 horas. Durante todo este tempo os fiéis alternaram entre Adoração, louvor, oração, meditação e muitas confissões. Veja abaixo o programa vivenciado nestas 24 horas.

Padre Antonio Irineu, reitor do Santuário, mesmo enfermo, atendeu confissões no período da noite, manhã e tarde. O Padre nos confidenciou que enquanto atendia confissões seu dente parava de doer. Foi uma tempestade de Misericórdia. Muitos corações foram abalados e transformados.

O testemunho de Dona Esmerinda Felizardo Neves de Guaraciaba, expressa bem a gigantesca ação da graça de Deus: “Não tenho palavras para expressar o inexplicável, só sei que a ação da graça de Deus e a manifestação do poder do Espírito Santo é algo que não se pode dizer com palavras”.

A Iniciativa do Santo Padre nasce com a intenção de recolocar no centro da vida da Igreja a importância da Oração, da Adoração Eucarística e o dom do Sacramento da Reconciliação, é uma ocasião aberta a todos, durante toda a noite, no coração das nossas cidades, para alcançar a misericórdia de Deus.

O mote do Ano Jubilar “Misericordiosos como O Pai” é o fio condutor do evento que teve como mote nas precedentes edições de 2014 e de 2015, respectivamente, “O perdão mais forte que o pecado” e “Deus, rico de Misericórdia”.

É importante sublinhar, como explica o Arcebispo Fisichella, Presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, “A misericórdia não se reduz ao Sacramento da Reconciliação, tem um horizonte muito mais amplo, que empenha cada um de nós a tornar-se instrumento de misericórdia para o próximo”.

Na Bula de Convocação do Jubileu (Misericordiae Vultus, 17) o Papa Francisco escreve: “A iniciativa « 24 horas para o Senhor  », que será celebrada na sexta-feira e no sábado anteriores ao IV Domingo da Quaresma, deve ser incrementada nas dioceses. Há muitas pessoas – e, em grande número, jovens – que estão a aproximar-se do sacramento da Reconciliação e que frequentemente, nesta experiência, reencontram o caminho para voltar ao Senhor, viver um momento de intensa oração e redescobrir o sentido da sua vida.”

E realmente foi isto que aconteceu no Santuário de Fátima, uma das Igrejas Jubilares da Diocese de Tianguá. Aqui permanecerá aberta a PORTA DA MISERICÓRDIA até o dia 13 de novembro deste ano. Não deixe de fazer sua peregrinação para o santuário e receber indulgências plenárias pelo Ano Santo da Misericórdia.

DSC_0017

24 hoas

DSC_0056

Newsletter

Cadastre-se para receber as notícias do Santuário!